Atlético-Ib anuncia os primeiros reforços para 2015

aelson

Ala-esquerdo Aelson, com passagens por Chapecoense e Avaí, está na lista

A direção do Atlético Hermann Aichinger anunciou a primeira lista com 10 jogadores que vão defender o clube na temporada de 2015. Entre eles estão os nomes do ala-esquerdo Aelson, bicampeão catarinense pela Chapecoense e Avaí em 2011 e 2012 respectivamente. Ainda o zagueiro Mateus Alves com passagens pelo Cruzeiro (MG), Sport Recife (PE) e Figueirense, campeão brasileiro da Série B pela Portuguesa de Desportos em 2011; o ala-direito Rodrigo Vareta, que estava no Passo Fundo (RS); e o atacante Nino Guerreiro, que jogou o brasileiro da Série D pelo Anapolina (GO). Foram repatriados o goleiro Ney; o volante Kássio; o ala-esquerdo Kappa; o meia Rodrigo Couto; e o atacante Adriano, que vestiram a camisa do time de Ibirama em 2014, além do zagueiro Alemão, que estava emprestado para a Chapecoense.

O superintendente Giovani Nunes adiantou que a montagem da equipe está praticamente concluída, mas por enquanto prefere não divulgar a segunda etapa da lista. “Sempre tem aquele clube que se atravessa, oferecendo pão com bolinho e uma Coca Cola a mais e o jogador acaba mudando o destino”. Sem especificar nome, o dirigente disse que isso aconteceu novamente agora na montagem do time. Sobre a volta de Nei e Kássio, campeões pelo Rio Branco do Acre; Kappa eleito melhor da posição do Estadual da Série B, além de Rodrigo Couto e Adriano, o dirigente disse que foram considerados fundamentais na reta final do campeonato deste ano.

A apresentação oficial está confirmada para segunda-feira (dia 8) às 9h no Estádio da Baixada. De acordo com o técnico Sílvio Criciúma a primeira semana será reservada para avaliações, com os trabalhos com bola sendo intercalados ao longo do mês de dezembro. Ele observou que o objetivo é ter esse ganho neste período para depois em janeiro intensificar a preparação visando a estreia no dia 1º de fevereiro, diante do Figueirense. Até lá o clube ibiramense deverá fazer pelo menos três jogos-treinos. A novidade na Comissão Técnica será a presença de Fábio Beninca como auxiliar, mas deverá permanecer como treinador da categoria juvenil, assim como Jersinho Testoni com o Sub-20.

Fonte: Orlando Pereira/Imprensa CAHA

Deixe seu comentário