Botafogo não sai do zero com o Coritiba e tem sequência interrompida

bo

O Coritiba conseguiu interromper a sequência de cinco vitórias do Botafogo no Campeonato Brasileiro ao segurar um empate sem gols no estádio Luso-Brasilerio, no Rio de Janeiro. Com o resultado, o Alvinegro chegou aos 53 pontos, e segue na quinta colocação, caminhando bem para a vaga na Libertadores da América. Já o Coxa, com 38 pontos, caiu para a 15ª colocação, ainda próximo demais da ZR.

Na próxima rodada, o Botafogo tem o clássico diante do Flamengo, sábado, no Maracanã, no Rio de Janeiro Já o Coritiba volta a campo no domingo, diante do Atlético Mineiro, no estádio Couto Pereira, na capital paranaense.

O jogo – Antes de a bola rolar, homenagens ao ex-jogador Carlos Alberto Torres, que morreu durante a semana. Após o apito inicial, logo no primeiro minuto, a zaga coxa-branca cochilou e Sassá recebeu com total liberdade, mas um pouco adiantado, em impedimento. A primeira finalização alviverde veio os cinco minutos, com Ruy, que apareceu na área para testar por cima da meta.

A partida era lenta, com poucas oportunidades, já que os dois times tinham dificuldade no setor de criação. Aos 15 minutos, Camilo cobrou falta e Emerson Santos subiu mais do que a defesa paranaense para cabecear nas mãos de Wilson. Aos 20 minutos, Rodrigo Pimpão brigou contra a defesa adversária, ganhou a bola, mas no momento do cruzamento parou em Walisson Maia.

O turco Kazim tentou colocar um pouco de emoção, aos 29 minutos, arriscando um chute cruzado para intervenção segura de Sidão. Aos 31 minutos, Benitez segurou Sassá na área, mas a arbitragem mandou seguir o jogo, sem atender aos pedidos de penalidade. Bola na área vinda de Camilo, aos 34 minutos, e Emerson Santos completou para Wilson salvar no melhor lance da primeira etapa. Na lateral do gramado, Carpegiani foi expulso por reclamação.

Para a etapa final, as equipes voltaram iguais, sem modificações. O Alvinegro retornou com mais vontade e, aos três minutos, Sassá tocou pra Rodrigo Pimpão, que emendou o chute para uma defesa difícil de Wilson. Aos cinco minutos, Camilo aproveitou mais uma vacilo da zaga coxa-branca e cabeceou no meio da área para outra grande intervenção de Wilson, que tinha bastante trabalho.

Só dava Botafogo e, aos 14 minutos, Victor Luis encontrou Neilton, que achou espaço para bater colocado, pela linha de fundo, com perigo. Mesmo demostrando estar sentindo alguma lesão, o goleiro do Coritiba era um dos grandes nomes em campo. Aos 17 minutos, escanteio de Camilo para Sassá, que dominou, escolheu o canto e parou em Wilson. O Coxa voltou a aparecer aos 23 minutos, com Amaral testando para defesa de Sidão.

A equipe carioca tinha o domínio, mas já mostrava desespero com o gol que não saia, como no chute de Sassá, aos 27 minutos, totalmente sem direção. Aos 31 minutos, Vinicius, que havia acabado de entrar, conseguiu um desvio na área, com a bola tocando na trave, antes de ser afastada. O Coxa se defendia como podia, mas segurava bem a pressão. Aos 40 minutos, Gervásio tentou o chute por cima de Wilson e a bola subiu demais. Nos acréscimos, o goleiro ainda salvou mais uma cabeçada de Sassá. Não era dia de gol na Arena Botafogo.

Fox Sports