Brasileiros Bellucci e Feijão perdem na estreia e deixam Melbourne

tenis

O Brasil já não tem mais seus representantes na chave de simples do Aberto da Austrália, realizado nas quadras rápidas da cidade de Melbourne. Isso, porque Thomaz Bellucci e João Souza, o Feijão, foram derrotados pelos favoritos David Ferrer e Ivan Dodig, respectivamente, na madrugada desta terça-feira, pela primeira rodada do Grand Slam australiano.

Agora, restam os duplistas Marcelo Melo, Bruno Soares e André Sá para carregar a bandeira brasileira na Austrália. O torneio de duplas começa na noite desta terça-feira.

Número 1 do Brasil e 65 do ranking mundial, Bellucci até começou bem a dura missão de vencer o nono principal favorito ao título, mas acabou derrotado por David Ferrer, por 3 sets a 1, com parciais de 6/7 (2/7), 6/2, 6/0 e 6/3, após 2h25 de partida.

No primeiro set, o paulista sacou bem e conseguiu manter o primeiro serviço intacto, forçando o tie break de desempate. Nele, o brasileiro conquistou três mini quebras, contra nenhuma do adversário, e venceu a parcial.

Contudo, o espanhol voltou à quadra mais agressivo e o brasileiro passou a errar mais também. Bellucci até quebrou o serviço de Ferrer e abriu 2/0, mas depois sofreu um apagão e perdeu os seis games seguintes.

A terceira parcial foi pior ainda. Bellucci aplicou apenas um winner, contra oito de Ferrer. O brasileiro ainda registrou 13 erros não forçados, diante de apenas cinco do espanhol. Assim, o cabeça de chave número 9 conseguiu mais três quebras e aplicou um pneu sobre o paulista.

No quarto set, Bellucci melhorou e conseguiu segurar Ferrer até o quinto game, quando teve seu serviço rechaçado e viu Ferrer abrir 4/2. O tenista brasileiro, então, não subiu seu nível de tênis e conheceu sua sexta derrota para o espanhol em sete jogos.

Isto posto, Bellucci segue com resultados ruins em Melbourne. A melhor marca do brasileiro foi alcançar a segunda rodada nos anos de 2010, 2011, 2012 e 2014.

Na segunda rodada, David Ferrer vai enfrentar o vencedor do confronto entre o ucraniano Sergiy Stakhovsky e o sérvio Dusan Lajovic.

Feijão também perde

João Souza, o Feijão, ofereceu ainda menos resistência a seu adversário. O número 115 do mundo perdeu para o croata Ivan Dodig (86º), parceiro de Marcelo Melo nas duplas, em sets diretos, com parciais de 6/4, 7/5 e 6/4, em 2h52 de confronto.

O brasileiro até conseguiu quebrar o saque de Dodig em três oportunidades, mas sofreu o mesmo golpe o dobro de vezes. O paulista de Mogi das Cruzes falhou muito mais: 70 erros não forçados, contra 40 do croata.

Ivan Dodig terá parada dura pela frente. O croata medirá forças na segunda rodada com o cabeça de chave número 5, o japonês Kei Nishikori, que superou o espanhol Nicolas Almagro por 3 sets a 0.

Fox Sports

Deixe seu comentário