Catarinenses fecham 1ª etapa em Londrina com 34 medalhas

Catarinenses fecham 1ª etapa em Londrina com 34 medalhas

Jogos Escolares da Juventude

Luiz Fernando Matias, da Escola Estadual Paulo Zimermann, de Rio do Sul,  campeão no arremesso do peso (FOTOS COB)

Enzo  Nakashima, do Colégio Elias Moreira, de Joinville tênis de mesa, campeão no tênis de mesa

A primeira etapa dos Jogos Escolares da Juventude para estudantes de 15 a 17 anos, composta pelo atletismo, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, tênis de mesa, xadrez e vôlei de praia, terminou domingo (15) em Maringá (PR). Santa Catarina fechou esse primeiro momento com um total de 34 medalhas. Foram 10 de ouro, 9 de prata e 15 de bronze. Agora o Estado começa a batalha por medalhas na segunda etapa da competição formada pelas modalidades coletivas: futsal, handebol, vôlei e basquete. Os jogos começam partir desta terça-feira (17) prosseguindo até sábado, 21.

Esta edição deste ano pode ser a melhor da história de Santa Catarina nos Jogos Escolares já que Estado igualou, ainda na primeira etapa, o mesmo número de medalhas alcançadas durante toda a competição no ano passado em João Pessoa, na Paraíba. “Estamos muitos felizes com esse resultado. Ainda temos toda a segunda etapa a participar e já conseguimos igualar o quadro de medalha de 2014. Isso é fruto de todo um trabalho de base feito nas escolas, nos clubes e nas fundações de esportes municipais”, destaca Osvaldo Juncklaus, presidente da Fesporte.

Destaques de SC

O principal destaque da primeira etapa foi o tênis de mesa, que venceu todas as competições disputadas ficando com cinco medalhas de ouro e duas de prata, com direito a duas finais com confrontos entre catarinenses. Liderados pelos irmãos Enzo e Alexia Nakashima, do Colégio Elias Moreira, de Joinville, o tênis de mesa foi campeão no individual geral, por equipe, dupla masculino, dupla feminino e dupla mista. Também fizeram parte do time vencedor Luis Eduardo Camargo, do Cert, de Joaçaba, e  Heloisi Cabral, do Colégio Elias Moreira, de Joinville.

Foi destaque também o recorde brasileiro escolar de Luiz Fernando Matias, da Escola Estadual Paulo Zimermann, de Rio do Sul, com a marca de 19m10cm no arremesso do peso.

Outro destaque catarinense foi Ludimila Cardoso, da Escola Estadual Onório Miranda, de Gaspar, que  aos 15 anos e participando pela primeira vez venceu os 100 metros no atletismo tornando-se a atleta escolar mais rápida do Brasil com o tempo de 11s87 quase batendo o recorde da prova que era de 11s50.

Resultado gratificante

“É muito gratificante trabalhar em um grupo que gerencia, aqui em Londrina, atletas tão especiais. Essa geração é o futuro do nosso esporte e a cada dia leva com mais vigor e competência o nome do nosso Estado às quadras de nosso Brasil”, finaliza Luciano Heck, chefe da delegação catarinense.

Os Jogos Escolares da Juventude são uma promoção do Comitê Olímpico do Brasil (COB). O evento reúne em Londrina, desde quinta-feira, 12, cerca 3.700 estudantes de escolas de todos os estados brasileiros e prossegue até o dia 21. A delegação de Santa Catarina é gerenciada pelo Governo do Estado por meio da Fesporte

Mais informações

Antonio Prado

(48) 9125-2286

Deixe seu comentário