Com domínio espanhol desde o início, Espanha marca com Diego Costa e ganha a primeira na Rússia

A primeira vitória da Espanha na Rússia foi suada. A equipe dominou a partida, criou boas jogadas, mas viu o Irã criar as melhores chances na partida. A seleção espanhola até finalizou bastante, mas não conseguiu traduzir o empenho em gol. Foram 17 tentativas, mas apenas Diego Costa marcou. O atacante ainda contou com a sorte para ver a redonda no fundo das redes de Beiranvand. A defesa iraniana teve papel importante para evitar um passeio espanhol. Destaque para o goleiro Beiranvand, que fez boas defesas.

Depois do gol de Diego Costa, aos oito minutos da segunda etapa, os comandados de Hierro seguiram pressionando, mas não conseguiram marcar. Do outro lado, Ezatolahi até fez o gol, mas lance foi parado corretamente. VAR entrou em ação e confirmou impedimento do volante no ataque. Aos 36, ainda um destaque: Amiri aplicou linda caneta e cruzou na meta para Taremi. O atacante subiu e testou firme, mas a bola passou por cima do gol. A pressão iraniana não surtiu efeito e a Espanha saiu com os três pontos, na Arena Kazan.

Diego Costa marcou novamente e garantiu a primeira vitória da La Roja na competição. O atacante chegou a três gols marcados e empatou com Cheryshev na vice-artilharia, atrás de Cristiano Ronaldo, que tem quatro.

O 1 a 0 da Espanha sobre o Irã tem um peso histórico para a seleção. Esta foi a vitória de número 400 dos espanhóis. Foi a primeira na Copa do Mundo de 2018!

A Espanha não sabe o que é perder há 22 jogos – último revés foi nas oitavas de final da Euro 2016, para a Itália: 2 a 0. São 15 vitórias e sete empates desde então. É a maior série invicta entre as seleções!

Com a vitória, a Espanha chegou aos 4 pontos e assumiu a ponta do Grupo B. Portugal tem o mesmo número de pontos, mas está atrás pelos critérios de desempate. O Irã permaneceu com 3 pontos e está em terceiro lugar. Marrocos, que perdeu para os lusos, não tem mais chances de classificação.

O Irã viaja para Saransk para enfrentar Portugal na próxima segunda-feira, às 15h (de Brasília). No mesmo horário, a Espanha mede forças com o já eliminado Marrocos, em Kaliningrado

Globo Esporte