Em baixa na Série B, Vasco desafia o Treze e busca sucesso na Copa do Brasil

Em baixa na Série B, Vasco desafia o Treze e busca sucesso na Copa do Brasil

Vasco, de Adilson Batista, espera bater o Treze nesta quarta-feira

Tentando esquecer o mau começo na Série B do Campeonato Brasileiro, o Vasco entra em campo nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), para enfrentar o Treze-PB, no Estádio Amigão, em Campina Grande, pela rodada de ida da segunda fase da Copa do Brasil. Um resultado positivo pode ajudar o time a espantar o clima de crise.

“O Treze está longe de ser um time fraco ou bobo, não chegou até aqui por acaso. Trata-se de um adversário que vai nos causar problemas, ainda mais se os deixarmos impor o estilo de jogo. A tendência é que eles comecem a partida na empolgação de mandante. Vamos precisar ficar atentos”, disse Adilson.

Os jogadores vascaínos entenderam o recado do comandante e tratam o adversário desta quarta-feira com o máximo de respeito. Tanto, que evitam falar da possibilidade de eliminar o confronto de volta.

“O Vasco tem um time que está disposto a chegar muito longe nesta Copa do Brasil e brigar por títulos. Mas para isso sabemos que é preciso vivenciar um jogo de cada vez e respeitar sempre o adversário. Não vamos encontrar facilidades contra o Treze e, por isso, não temos que pensar em eliminar o jogo de volta. Temos que ir a campo pensando em ganhar e, se for possível, pela maior diferença de gols”, afirmou o zagueiro Luan.

Martin Silva voltará à equipe, já que está recuperado de lesão. O meia Bernardo, livre de dores no joelho direito, é outro que vai ficar à disposição, mas começará a partida no banco de reservas, podendo entrar no decorrer do confronto. Seguem de fora o beque Rodrigo e o volante Pedro Ken, ambos com estiramento muscular na coxa esquerda. O argentino Pablo Guiñazú, que fraturou o pé direito, e o atacante Edmilson, com lesão na coxa esquerda, também não vão ao confronto.

“A minha expectativa é que a equipe possa sempre evoluir e contra o Vasco espero uma atuação melhor do que a que tivemos contra o Botafogo onde, apesar da derrota, mostramos poder de reação”, ressaltou o técnico do Treze-PB, Leandro Sena.

O treinador não confirmou a escalação que pretende mandar a campo, porém, com um elenco que oferece poucas opções, deverá manter a base da estreia na Série C.

MSN Esportes

Deixe seu comentário