Flamengo derrota o Sport na Arena Pernambuco

Flamengo-comemoracao-GilvandeSouza-480

O Flamengo derrotou o Sport por 1 a 0 ,em partida disputada na tarde deste domingo, na Arena Pernambuco, pelo Campeonato Brasileiro. O resultado frustrou a torcida pernambucana que pretendia derrotar o rubro-negro carioca para se vingar dos fatos acontecidos no jogo do turno no Maracanã, quando os jogadores do Sport voltaram com muitas queixas sobre o comportamento do adversário, principalmente em relação ao fair-play. Everton marcou o único gol, logo no início da partida.

O resultado fez o Flamengo chegar aos 29 pontos ganhos e subir para a nona posição. O Sport, que não vence há sete jogos, segue com 31 pontos ganhos, na sétima colocação. O Flamengo nem precisou mostrar um grande futebol para merecer o resultado. O Sport perdeu Samuel Xavier, expulso no primeiro tempo por atingir Alan Patrick, e perdeu a sua capacidade de pressionar o adversário. O time carioca soube administrar a vantagem e conseguiu uma vitória merecida.

Na próxima rodada, o Sport vai encarar o Coritiba, no Couto Pereira. O Flamengo vai enfrentar o Avaí, na Arena das Dunas, em Natal.

O jogo – O primeiro ataque foi do Sport. Maikon Leite foi acionado pela direita e chutou sem qualquer perigo para o gol defendido por Paulo Victor. Logo aos quatro minutos, o Flamengo marcou o primeiro gol. Pará foi lançado por Canteros e cruzou para a cabeçada precisa de Everton, sem chances para o goleiro Danilo Fernandes.

Mesmo em vantagem, a equipe carioca seguiu pressionando, enquanto o Sport se mostrava muito intranquilo, errando muitos passes. Aos 12 minutos, o atacante Emerson Sheik caiu e a torcida pernambucana pediu para que sua equipe não devolvesse a bola, por causa dos episódios registrados no jogo do turno, mas os jogadores do time da casa devolveram a bola.

Aos 14 minutos, o Sport deu o primeiro sinal de vida com um chute de Wendel que exigiu uma grande defesa de Paulo Victor, espalmando para escanteio. Na cobrança, o zagueiro Matheus Ferraz cabeceou e a bola bateu no travessão. A equipe dirigida por Eduardo Baptista passou a ficar mais tempo com a bola, enquanto o Flamengo recuou para tentar surpreender o Leão da Ilha em lançamentos para seus atacantes. O Sport concentrava suas ações do lado direito onde Maikon Leite recebia o constante apoio de Samuel Xavier.

Aos 23 minutos, a situação do time pernambucano se complicou ainda mais com a expulsão do lateral-direito Samuel Xavier, que atingiu o meia Alan Patrick. O cartão vermelho revoltou os jogadores do Sport que consideraram exagerada a atitude do árbitro. Eles alegaram que houve falta sobre Hernane, no lance anterior, não marcada pelo juiz da partida. Muito irritados, atletas da equipe pernambucana contestavam quase todas as marcações da arbitragem.

O time carioca continuava melhor, e aos 32 minutos, Jorge cruzou da esquerda e Everton se antecipou aos zagueiros para cabecear, mas Danilo Fernandes defendeu bem. Só aos 36 minutos é que o técnico Eduardo Baptista decidiu recompor a defesa. Ferrugem entrou no lugar de Marlone.

Mais equilibrado em campo, o Flamengo tocava a bola em busca de um espaço para penetrar na defesa pernambucana. Aos 38 minutos, Emerson Sheik fez boa jogada, mas foi bloqueado na hora de chutar.
O time da Ilha do Retiro não conseguia chegar na área carioca com condições de concluir e acabava apelando para chutes de fora da área, sem nenhum sucesso.

O Sport voltou para o segundo tempo com André no lugar de Hernane, mas a primeira grande chance foi do Flamengo. Everton cruzou da esquerda e Kayke, inteiramente livre, desviou para fora. O time da Gávea dominava completamente a partida e o Sport não conseguia se organizar ofensivamente. Com um jogador a menos, as investidas do Leão eram facilmente bloqueadas pela equipe carioca.

O time de Eduardo Baptista seguia encontrando dificuldades para penetrar na área adversária.Aos 20 minutos, Ferrugem arriscou, de longe, e a bola encobriu o gol defendido por Paulo Victor. Sem ser ameaçado, o time carioca se preocupava apenas em administrar a vantagem. Eduardo Baptista trocou o apagado Diego Souza por Élber, numa tentativa de dar mais força ao ataque leonino. Aos 28 minutos, Emerson investiu pela ponta e cruzou para o zagueiro César Martins que meteu a cabeça, mas mandou a bola para fora. Logo depois, Renê teve que intervir, quando Matheus Ferraz se atrapalhou e mandou a bola para o atacante Marcelo Cirino.

Aos 36 minutos, a torcida pernambucana reclamou de pênalti em lance que envolveu César Martins e Élber, mas o árbitro nada marcou. Três minutos depois, Alan Patrick enfiou passe perfeito para Paulinho que mandou a bomba, mas Danilo Fernandes fez a defesa. Nos minutos finais, o Sport pressionou, de forma desordenada, mas o Flamengo soube se defender e garantir o importante resultado.

Fox sports

Deixe seu comentário