Ganso descarta vaga assegurada com 3 a 0 no Morumbi: ‘Nem viajaria’

Ganso-olhando-serio-treino-640x480-Maurício-Rummens-Fotoarena

O meia Paulo Henrique Ganso não quer os jogadores do São Paulo entrando em um clima de “já ganhou” antes do duelo contra o Vasco, nesta quarta-feira, às 22h, no estádio do Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil, após o 3 a 0 no primeiro embate, no Morumbi. O camisa 8, escolhido para falar com a imprensa na véspera da decisão, manteve a tradicional linha de respeito ao adversário seguida pelos jogadores que têm a seu favor uma boa vantagem a ser defendida no segundo jogo.

“Não dá para pensar assim. Se eu achasse que já está tudo definido, nem viajaria para o Rio de Janeiro”, afirmou o armador, um dos atletas mais elogiados nas últimas partidas disputadas pela equipe. Mesmo com o tom de respeito adotado, Ganso reconheceu que a vantagem é grande. “É muito bom (entrar em uma decisão ganhando por 3 a 0). Quem sabe a gente não faz mais um e melhora ainda mais esse cenário”, apontou.

Como fez três gols na sua casa e não sofreu nem um, o Tricolor forçaria os cariocas a anotar cinco tentos caso balançasse a rede do Maracanã. Além disso, pode perder por até dois gols de diferença que também assegura sua presença na semifinal. Caso seja goleado por quatro gols ou mais de saldo, deixa a competição. Um novo 3 a 0 faz com que a decisão vá para os pênaltis.

Sorridente e bem-humorado, o jogador abria um sorriso a cada pergunta que recebia dos repórteres, mesmo quando elas tratavam do ambiente conturbado pela possível saída de Juan Carlos Osorio. Foi com essa simpatia que ele resolveu tratar das declarações do próprio treinador e do goleiro Rogério Ceni, colocando-o como o atleta mais importante do atual elenco devido à falta de jogadores para substituí-lo.

“Não acho que eu seja um cara sem reserva aqui no São Paulo”, analisou Ganso. “Tem o Daniel, que ainda jogou pouco, mas é um meia que pode fazer a minha função. O Wesley, um cara de características diferentes, mas pode ser meia. Tem também o João Schmidt. Estamos bem servidos”, concluiu.

Fox sports

Deixe seu comentário