Inter empata com o Santa Cruz em casa e segue em situação difícil

inter

O Internacional perdeu mais uma chance de se afastar da zona de rebaixamento. Neste sábado, o Colorado empatou por 1 a 1 com o Santa Cruz, no Beira-Rio, e continuou a dois pontos do Vitória, 17º colocado, que abre a degola.

Os comandados de Celso Roth pareciam encaminhar uma tranquila vitória quando Vitinho, logo aos seis minutos de partida, abriu o placar. Porém, o Santa Cruz conseguiu empatar com Léo Moura ainda na etapa inicial e, pouco depois, o volante Eduardo Henrique foi expulso, deixando o Colorado com um a menos.

O Colorado não terá vida fácil na próxima rodada. No próximo domingo (6), a equipe vai a São Paulo enfrentar o líder Palmeiras. No mesmo dia, o Santa Cruz faz o duelo dos lanternas diante do América Mineiro.

O jogo – O confronto valia muito para ambas as equipes. Para o Inter, a chance de se afastar de vez da degola. Para o Santa Cruz, a obrigação de evitar uma derrota para adiar o rebaixamento à Série B.

Jogando diante de sua torcida, o Inter começou melhor e não demorou a marcar. Logo aos seis minutos, Sasha aproveitou cruzamento da direita e cabeceou para defesa de Tiago Cardoso. No rebote, William tocou para o meio e Vitinho, de coxa, empurrou para as redes para colocar o Colorado à frente do placar.

O Inter se manteve no ataque nos minutos seguintes e assutou o gol adversário por meio da presença de Paulão nas bolas paradas. O zagueiro apareceu com perigo em duas oportunidades: aos 10, em falta cobrada por William, e aos 17, em escanteio de Alex.

Tudo parecia tranquilo para o Colorado, que não havia sofrido nenhum ataque do Santa Cruz. No entanto, num lampejo da equipe pernambucana no ataque, veio o empate. Aos 31, Vitor recebeu na direita, cortou a marcação e cruzou na medida para Léo Moura deixar tudo igual no Beira-Rio.

Aos poucos, o Inter se perdeu em campo e viu o adversário quase chegar à virada. Aos 37, Grafite cabeceou muito perto do gol de Danilo Fernandes pós falta cobrada por João Paulo. Dois minutos depois, o próprio João Paulo arriscou de longe e a bola passou perto.

A situação do Colorado se complicou de vez quando o volante Eduardo Henrique deu entrada forte em Roberto e foi expulso de campo. O lance deixou o técnico Celso Roth muito irritado, bem como a torcida do Inter, que vaiou a equipe ao final do primeiro tempo.

Roth decidiu pela entrada de Anderson no lugar de Alex durante o intervalo. Porém, o Santa Cruz foi o primeiro a chegar com perigo e por pouco não virou o placar aos quatro minutos, novamente com João Paulo de fora da área.

O Inter começou a se encontrar dentro de campo nos minutos seguintes e conseguiu criar. Aos cinco, William recebeu na direita e bateu cruzado, a bola desviou em Néris e saiu para escanteio. No lance seguinte, Vitinho limpou a marcação e bateu cruzado para defesa de Tiago Cardoso.

O time da casa tentava criar, mas esbarrava na desvantagem numérica. Para dar mais criatividade, o técnico Celso Roth decidiu colocar Valdívia em campo aos 24 minutos. Aos 28, o Colorado teve uma chance de ouro para passar à frente do placar: William recebeu livre na área, girou e bateu em cima de Tiago Cardoso.

O Inter chegou a balançar a rede aos 29 minutos, quando Eduardo Sasha desviou cobrança de falta de Valdívia para o fundo gol. No entanto, o lance foi anulado por impedimento do atacante.

Os minutos finais foram de emoção e chances para ambas as equipes. Aos 39, o Inter voltou a parar em Tiago Cardoso. Desta vez, o goleiro fez bela defesa em cabeçada de Aylon após cobrança de escanteio. Três minutos depois, foi a vez do Santa perder mais uma chance: Jadson recebeu de Arthur livre na área e mandou para fora.

Fox Sports