Luan exalta torcida vascaína e espera “guerra” em final

Vasco-luan-480-Divulgação

Nesta quarta-feira, o Vasco realizou um treino fechado em São Januário, tendo em vista a decisão do Campeonato Carioca, contra o rival Botafogo. O dia também foi marcado pela comercialização dos ingressos para a grande final, e os cruz-maltinos não decepcionaram, esgotando a carga que lhes foi destinada. Empolgado com a atmosfera que envolve o clássico, o jovem zagueiro Luan, de 21 anos, exaltou o apoio maciço dos fãs, mas não se mostrou vislumbrado: o defensor prevê uma verdadeira guerra contra a formação de General Severiano.

“Eu conheço muito bem a torcida vascaína, pois estou no clube há nove anos. Sei como são apaixonados. Eles nos apoiam muito e querem comemorar o título conosco. Porém, a festa fica do lado de fora. Dentro de campo será uma guerra”, sublinhou Luan, que também não se apresentou acomodado com a vantagem obtida no compromisso de ida: “Temos a consciência de que nada está ganho. O grupo segue de pés no chão”.

Quando questionado sobre a grande procura dos torcedores vascaínos, que adquiriram passaportes até no domínio destinado à torcida rival (setor norte), Luan mostrou animação e disse esperar pela confraternização entre os fãs rivais. “Não vejo problema algum disso acontecer, desde que haja paz. Cada um tem que saber torcer pelo seu time. Que não haja brigas nem violência, pois frisamos muito a possibilidade dos rivais assistirem ao clássico lado a lado”, pontuou.

Por fim, descontraído, o meia apontou leve preocupação ao discorrer sobre a possível carga de ingressos que a diretoria cruz-maltina lhe reservaria, para que seus parentes capixabas pudessem assistir ao clássico no Maracanã. “Não vai poder vir todo mundo. Eles moram no Espírito Santo, e muitos trabalharão. Além do mais, não sei se vou ter passaportes para dar aos parentes. Espero que tenham deixado alguns para mim”, encerrou.

Aproximadamente 50 mil entradas já foram comercializadas para o clássico. Assim, ficam disponíveis apenas ingressos destinados aos torcedores do Botafogo. A finalíssima ocorre neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Maracanã. A vantagem é dos comandados de Doriva, que venceram a ida por 1 a 0, com gol de Rafael Silva.

Fox Sports

Deixe seu comentário