Palmeiras treina no Pacaembu, e Cuca mostra confiança nos reservas

palmeiras

Na manhã desta sexta-feira, o Palmeiras realizou um treinamento atípico. Mirando o jogo deste sábado contra o Grêmio, às 16h (de Brasília), no Pacaembu, o técnico Cuca comandou um treinamento fechado para a imprensa no estádio municipal.

“Quando o treino é fechado é porque fazemos uma atividade específica, voltamos e já iniciamos a concentração. Você não treina muita coisa. O time será alternativo, tiveram um desgaste muito grande na quarta-feira, contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. Eles não têm condição de jogar sábado e, muito menos, viajar segunda para o Equador. Mas entraremos com um time que confiamos e vamos tentar vencer”, disse o treinador, se referindo à partida da próxima quarta-feira, contra o Barcelona de Guayaquil, pelas oitavas de final da Libertadores.

Apesar do mistério, Cuca já revelou em entrevista coletiva após o treino que Bruno Henrique fará sua estreia, Michel Bastos voltará ao time, e o Palmeiras terá reservas. Assim, o time deverá encarar o Grêmio com Fernando Prass; Mayke, Antônio Carlos (Egídio), Luan e Juninho; Bruno Henrique, Thiago Santos; Willian (Róger Guedes ou Erik), Michel Bastos e Keno (Dudu); Borja.

Recuperado de uma tendinite, Michel Bastos participou dos trabalhos com bola na quinta-feira, data da reapresentação, foi reavaliado nesta sexta e teve a situação aprovada pelo departamento médico para voltar a atuar. A última partida do meia de 33 anos foi no dia 10 de junho, quando entrou no segundo tempo na vitória por 3 a 1 sobre o Fluminense.

Entre os titulares que jogaram a partida de quarta-feira, contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil, as ausências certas são o zagueiro Mina e os meias Guerra e Tchê Tchê, suspensos. Além do trio, o volante Felipe Melo, que se recupera de uma contusão no músculo adutor da coxa direita, e o lateral Jean, que trata um problema de desgaste na cartilagem do joelho, também estão fora.

Espn/Gazeta Press