Rafael Marques isenta Cuca e vê elenco como responsável por crise

rafael-marques-coletiva-culpa-cesar-greco-fa-715

Um dos jogadores mais experientes do Palmeiras, o atacante Rafael Marques vê o elenco como responsável pela crise atravessada pelo clube. O técnico Cuca, que comandou o time nas últimas quatro partidas, foi isentado pelo jogador de 32 anos de idade.

“Não adianta, não tem mais desculpa. Não adianta ficar arrumando argumento que não existe. Os culpados maiores somos nós, jogadores”, disse Rafael Marques durante o refúgio em Atibaia. “Estamos aqui para melhorar e chegar o mais rápido possível ao resultado positivo”, completou.

Contratado para suceder Marcelo Oliveira, Cuca dirigiu o Palmeiras nas derrotas consecutivas contra Nacional-URU (1 x 0), Audax (2 x 1), Red Bull (2 x 1) e Água Santa (4 x 1). Assim, o treinador segue em busca de sua primeira vitória no comando do clube.

“Os resultados não estão vindo. A gente sabe que, quando o trabalho não chega ao objetivo traçado, as cobranças chegam de todos os lados. Temos que estar focados em fazer a nossa parte, porque somos os maiores responsáveis. Não é o Cuca, a diretoria nem a torcida”, reiterou Rafael Marques.

Com o Palmeiras há quatro jogos sem vencer, ameaçado pelo rebaixamento no Campeonato Paulista e com risco de cair logo na primeira fase da Copa Bridgestone Libertadores, a cobrança sobre o elenco aumentou significativamente. Sem pudor, Rafael Marques admitiu que sente a vulnerabilidade emocional.

“O problema é que não estamos conseguindo corresponder pelo fato de ter uma pressão grande. Mas somos apenas nós que podemos reverter a situação. Sabemos disso e temos consciência de que precisamos melhorar muito”, declarou o atacante.

Às 20h30 desta quinta-feira (31 de março), no Estádio do Pacaembu, o Palmeiras enfrenta o Rio Claro no quinto confronto sob o comando de Cuca. Apesar do curto período de tempo, Rafael Marques, titular nos últimos dois jogos, já consegue sentir certa evolução.

“O Cuca acabou de chegar. Quando há uma troca na comissão, muda muito. É um esquema diferente de marcação, de jogo, de posicionamento. Infelizmente, não temos tempo. Mas vem sendo um trabalho positivo. Eu e meus companheiros já vemos uma melhora desde a chegada dele”, relatou.

 

Fox sports