Sem pistas: Renato fecha treino e mantém mistério sobre o Grêmio para a Recopa

Grêmio rumará à Argentina envolto em mistério para encarar o Independiente na próxima quarta-feira, às 22h, no Estádio Libertadores da América, pelo jogo de ida da Recopa Sul-Americana. Neste domingo pela manhã, Renato Portaluppi comandou o penúltimo treino do Tricolor antes da viagem para Buenos Aires com portões fechados no CT Luiz Carvalho. A estratégia deve ser repetida na atividade derradeira em Porto Alegre, na segunda-feira.

O sigilo adotado pelo técnico tem a ver com as indefinições em sua equipe para a primeira decisão do ano. Após deixar o banco para mudar o jogo e marcar na virada por 2 a 1 sobre o Brasil de Pelotas, Alisson deve ganhar uma vaga no time, no meio-campo, aberto pela direita. Assim, a tendência é de que Léo Moura seja recuado a sua posição de origem, a lateral direita, com a saída de Madson da equipe titular. No ataque, Jael e Cícero brigam pelo posto para atuar na referência.

Além da formação titular, o treinador guarda ainda outras duas dúvidas, provavelmente para a composição do banco de reservas: as presenças de Arthur e Maicosuel na lista da viagem. O volante está em fase final de recuperação de uma lesão no tornozelo esquerdo. O atacante, por sua vez, passa por um processo de reequilíbrio muscular. Ambos já treinam com o grupo.

A provável escalação do Grêmio para pegar o Independiente tem: Marcelo Grohe; Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson, Maicon, Alisson (Madson), Luan e Everton; Jael (Cícero).

O elenco gremista faz seu último treino em Porto Alegre na manhã desta segunda-feira e embarca à tarde rumo a Buenos Aires. O Tricolor tem previsto um treino na Casa Amarela, do Boca Juniors, na terça-feira à tarde. Grêmio e Independiente se enfrentam no jogo de ida da Recopa Sul-Americana às 22h da quarta-feira, no Estádio Libertadores da América, em Avellaneda.

Globo Esporte