Sete blumenauenses disputam o Sul-Americano de Karatê no Equador

Sete atletas da Associação Blumenau de Karatê (ABK/FMD) disputam o Campeonato Sul-Americano em Guaiaquil (Equador). A competição começa nesta quarta-feira, dia 25, e segue até sábado, dia 28, reunindo as categorias sub-14, cadete, júnior, sub-21 e sênior.

Os blumenauenses vão representar a Seleção Brasileira, que busca o hexacampeonato no sênior e o tri nas categorias de base. O treinador da ABK, Vanderlei de Oliveira, será o coordenador técnico do Brasil e está confiante na participação dos atletas. “É um grupo que tem obtido bons resultados em competições nacionais. Todos têm qualidade técnica e estão focados para o Sul-Americano. Espero que correspondam às expectativas”, afirma.

Dos sete representantes de Blumenau, quatro foram medalhistas no ano passado, com destaque para os ouros de Luisa Klettenberg e Vitória Leite. Mas também tem novidade na equipe. Jaqueline Luebke, que em 2017 defendeu o Brasil na modalidade de kata, neste ano terá o desafio no kumitê cadete até 54 quilos. As estreias ficam por conta de Márcia Mafra, na sênior, e da equipe de kata cadete/júnior – formada pelas atletas Jaqueline, Camily Teixeira e Nicole Bauchipiess.

Os representantes de Blumenau
Jaqueline Luebke (kumitê cadete até 54 quilos)
Luisa Klettenberg (kata e kumitê sub-14 + 47 quilos
Márcia Mafra (kumitê sênior até 55 quilos)
Vitória Leite (kumitê júnior até 48 quilos)
Welton Barbosa (kumitê sub-21 até 75 quilos)
Jaqueline, Camily Teixeira e Nicole Bauchipiess (kata equipe cadete/júnior)

 

Assessor de comunicação: Julimar Pivatto